A Menopausa como processo de transformação

 em Corpo Feminino, Saúde Sexual, Sexo

“A Felicidade é o melhor cosmético”!
“Sexo é algo que tem que ser cada vez melhor…”
Bruna Lombardi, aos 63 anos

Pois é, não tem idade quando se deseja viver à Vida!!!

A menopausa é de fato  um momento muito delicado na vida da mulher. Talvez, esse seja o momento onde paramos e olhamos para trás para repassar o percurso e o rumo que demos a nossa vida. Começamos a sentir o vazio dos filh@s crescid@s, repensamos sobre nossa profissão e talvez o mais difícil de todos, a mudança que começa a ficar cada vez mais nítida no nosso corpo. Perdemos massa muscular e com ela a tonicidade da pele, junto às oscilações hormonais .

Quando se tem companheiro, muitas vezes a rotina e hábitos do dia a dia, parecem deixar um sentimento de solidão a dois.

Essa avalanche de situações, que parece  pegar a mulher de surpresa, vem junto a uma sensação de que a vida vai perdendo o colorido e, muitas vezes, vem acompanhada da depressão.  Observamos, na atualidade, a constatação desse fato com o grande índice de mulheres deprimidas nesta fase.

Percebo que as perdas e até as situações de  sofrimento podem acontecer para nos transmutar – para olharmos  para dentro de nós.

É importante que  possamos, no processo da menopausa, ampliar os nossos horizontes para   enxergar a VIDA e o SENTIDO que damos a ela.

Acredito que esse momento de transição é difícil para todas as mulheres. Porém, a diferença é como cada uma, na sua singularidade, ressignifica esse lugar. Algumas mulheres aproveitam à experiência acumulada, ao longo dos anos, para se tornarem mais interessantes, ousar e transformar a sua relação com a vida, outras mergulham na lamentação dessa realidade e não percebem as amplas possibilidades conspiradas pelo Universo.

É fundamental que encontremos os nossos atalhos, que façamos desvios de percurso quando necessário, que não nos deixemos submergir quando nos encontramos, muitas vezes, em situações pantanosas. Sim, encontraremos sempre momentos de abismos em nossa trajetória, mas que estes nos sirvam para fortalecer os nossos voos e não para nos paralisar. É preciso encontrar caminhos onde o Prazer pela VIDA, seja o guia maior.

Nesse momento onde tenho vivido turbilhões de mudanças, acompanhadas à menopausa, sinto que posso enxergar a generosidade do Universo para comigo. Essa constatação me conduz a buscar o Prazer em várias fontes – Perceber o que desejo viver, verdadeiramente! Sinto-me mais vibrante nas buscas de sentido que tenho trilhado e mais conectada comigo mesma. Nessa fase, a quebra de ilusão da onipotência me permite ser mais perceptiva com a transitoriedade, com o rápido e passageiro percurso nesta existência.

Hoje percebo o quão a vida se assemelha a uma bolinha de sabão: livre, fluida e passageira.

Faço uma associação da vida com o Crème Brulée: é preciso quebrar levemente a dura camada de açúcar para chegar na delicadeza do creme que encontra-se submerso. Assim pode ser a nossa vida, fazer quebras, submergir para encontrar a delicadeza!

Postagens Recentes